Rodoviário

BR 101/SC - Transposição do Morro dos Cavalos

  • Categoria: Rodoviário
  • Subcategoria: Obra de Arte Especial
  • Valor total: ~ R$ 306,3 milhões
  • Responsável: DNIT/SC
  • Início: mai/2007
  • Prazo contratual: Indefinido
  • Prorrogação de prazo: Indefinido
  • Status Atual: Prazo expirado
  • Óbice: Licitação, Licenciamento Ambiental
  • Duração total: Indefinido
  • Última atualização: 06/09/2017

Informações gerais

  1. Óbice
    Início: 04/07/2011 Prorrogação de prazo: Indefinido
    Classificação: Licenciamento Ambiental
    Responsável: DNIT/SC
    Descrição: IBAMA pede estudos complementares, pois FUNAI necessita de esclarecimentos sobre as técnicas utilizadas para cavar o túnel.
  2. Óbice
    Início: 09/07/2012 Prorrogação de prazo: Indefinido
    Classificação: Licitação
    Responsável: DNIT/SC
    Descrição: Aguardando licitação para obra.
Execução das obras de adequação de capacidade com duplicação da rodovia BR-101/SC, envolvendo a travessia do morro dos cavalos em túnel duplo, com duas galerias, além de execução de viadutos e de estabilização de encosta. 

Trecho: Divisa PR/SC (Entr. BR-376) - Divisa SC/RS
Subtrecho: Morro dos Cavalos - Ponte sobre o Rio Massiambú
Segmento: km 232,00 - km 235,30
Extensão: 3,3km

Fonte: DNIT - Superintendência Regional do DNIT no Estado de Santa Catarina (RDC Eletrônico n° 392/2016-00).


HISTÓRICO (Prazo de entrega - 1.080 dias após emissão da ordem de serviço):

2007 - Lançado edital para projeto;

2008 - Divulgada empresa vencedora da licitação para projeto;

2009 - Projeto Básico em fase final;

2010 - Projeto Básico finalizado;

2011 - Aguardando licenciamento ambiental;

2012 - Anunciada a abertura da licitação para obra para dezembro/2012, porém licença ambiental não foi emitida;

Agosto/2014 - Aguardando lançamento do edital para obra;

Dezembro/2014 - DNIT/SC desenvolveu os Programas Ambientais necessários para obtenção da Licença de Instalação da Obra e conclusão do Projeto Executivo dos túneis;

Julho/2015 - DNIT/SC informou que todas as correções sugeridas pela projetista foram feitas, cabendo agora ao IBAMA se pronunciar em relação aos Programas Ambientais;

Novembro/2015 - Aguardando resposta da Funai em relação ao componente indígena;

Junho/2016 - Aguardando resposta da Funai em relação ao componente indígena;

Novembro/2016 - Lançado edital RDC Eletrônico para contratação de empresas para a execução da obra; 

Maio/2017 - DNIT informou o cancelamento do processo licitatório 392/2016-00, que trata da contratação de empresas para execução da obra. 

Setembro/2017 - Aguardando lançamento do edital para obra.

Gráficos

Principais fatores de atraso da obra - Óbices

Entidades vinculadas aos óbices